Guia de Restaurantes Adegga 2019

Os 100 melhores restaurantes de Portugal para beber e para comer.

Textos de José Manuel Moroso. Top 100 votado pelos produtores.

English Version

OS 30 MELHORES

O QUE BEBER

Uma seleção dos melhores vinhos – entre 5 e 50 euros – para beber nos melhores restaurantes de Portugal.

OS 30 MELHORES

1. O GAVETO

Há quem venha de muito longe só para se deliciar com a sua lampreia, no tempo dela, claro. Mas era uma injustiça esquecer a sua grande oferta de marisco, as suas caldeiradas, os filetes de pescada, o peixe-galo frito com açorda ou, nas carnes, a caça na sua época. É um restaurante incontornável quer na comida, quer nas bebidas e as recentes obras vieram dar ainda mais vida ao espaço.
Rua Roberto Ivens, 826 – Matosinhos
229 378 796

2. Veneza


Foi mercearia, café e tudo o mais o que uma venda de aldeia pode ser. Hoje, é restaurante com R grande e a sua garrafeira é de fazer inveja a muitas… garrafeiras. A sua localização pode definir-se por um ditado bem português: nem tanto ao mar, nem tanto à terra. Melhor dizendo, fica entre as ondas algarvias e a serra. A sua cozinha é a tradicional e o apelo que aqui se sente, está virado para as carnes, como os saborosos lombinhos de porco fritos com alho, as iscas de porco de cebolada ou, ainda (e a não perder) a sua sopa de feijão à transmontana com tudo a que tem direito e que vai desde a carne de porco ao chouriço preto, passando pelas couves.
EN 395, Mem Moniz – Albufeira
289 367 129

3. TASCA DO JOEL

Aqui já entramos num reino completamente diferente. Imperam os peixes e os mariscos que passeiam pelos nossos olhos a impecável frescura e a mestria de um trabalho feito à grelha ou no tacho. Depois de uma incursão imperdível pelos petiscos, aventuremo-nos nos paladares do reino de Neptuno e deliciemo-nos com as ofertas ‘marinhas’, sempre bem acompanhadas por uma irrepreensível garrafeira. E depois bem nos podem chamar de ‘amigos de Peniche’ que nós até agradecemos.
Rua do Lapadusso, 73 – Peniche
262 782 945

4. Solar dos Presuntos

O marisco e a cozinha tradicional portuguesa são os trunfos desta casa frequentada por políticos, artistas e figuras do futebol. Comandada pelo Evaristo e pelo seu filho Pedro, toda a equipa ganha em eficácia, saber e simpatia. São famosas as suas pataniscas de bacalhau, o seu arroz de cabidela ou a açorda de lavagante. Com um serviço de vinhos de grande qualidade, é local a não perder.
Rua das Portas de Santo Antão, 150 – Lisboa
213 424 253

5. O PAPARICO

Paredes de granito albergam uma acolhedora cozinha de autor que balança entre o tradicional e a modernidade. Na degustação, pontificam dois menus; o Portugalidade e o Partilha. A gastronomia portuguesa está salvaguardada e por aí se encontram a vitela, o naco de vaca velha e até a clássica salada de atum com ‘ciclistas’, o conhecido feijão-frade. A irrepreensível carta de vinhos faz o resto.
Rua Costa Cabral, 2343 – Porto
225 400 548

6. O REI DOS LEITÕES

Aberto desde 1947, este amplo espaço está consagrado ao ‘rei’ leitão. Muitos dizem que é o melhor restaurante da especialidade, mas a verdade é que é que o pequeno bácoro é aqui confecionado à perfeição. Mas a carta não se fica por aqui e todos os dias há uns peixinhos fresquíssimos vindos do mar ali bem próximo. Entretanto, o marisco não lhes fica atrás e mesmo sob a forma de sopa (a sopa de carabineiros é um êxito) fazem as delícias da exigente clientela vinda de todo o país. A lista de vinhos é completíssima. Por último, temos de destacar o serviço, que é top.
Av. da Restauração, 17 – Mealhada
968 123 084

7. O AÇUDE

Vamos encontrá-lo para os lados de Santa Clara e, diga-se, em boa hora. Claro que ninguém vem a Coimbra à espera de encontrar o melhor peixe do mundo acabadinho de sair da água e é por isto mesmo que a casa aposta em bacalhaus e atuns. Do primeiro, chega-nos em espetada, quanto ao segundo é feito ‘à portuguesa’. Passando para as carnes, vamos encontrar selecção variada de bifes, que quando a carne é de qualidade (como é o caso), brilham no prato. Grande lista de vinhos.
Av. Da Guarda Inglesa, 63 – Coimbra
239 441 638

8. PEDRO LEMOS

Pedro Lemos ganhou uma estrela Michelin em 2014 e bem a merece. Os seus menus de degustação trazem-nos sabores únicos. O poder criativo do chef Pedro Lemos parece nunca acabar, tal é a multiplicidade da oferta, ajudada pela enorme qualidade dos produtos onde a sua horta biológica é rainha. É uma contínua descoberta pelo mundo dos paladares e, claro, não podia faltar uma garrafeira de excelência.
Rua Padre Luís Cabral, 974 – Porto
220 115 986

9. A TABERNA DOS MERCADORES

O que falta em espaço (apenas 16 lugares) sobra em qualidade saída da cozinha bem à vista de todos. É o terreno da cozinha tradicional portuguesa, onde linham, entre outros, uns saborosos pastelinhos de bacalhau ou as pequeninas, mas gulosas, costeletas de borrego. A não perder, também, o polvo com arroz no forno e o arroz de marisco. Enfim, uma óptima oferta que a Ribeira nos dá.
Rua dos Mercadores, 36 – Porto
222 010 510

10. BELCANTO

A escassos metros da grande casa da ópera em Portugal, o Belcanto dá-nos uma outra música. O chef José Avillez é a cara do gostosíssimo projecto e as criações dos seus menus de degustação levam-nos a um outro estado de alma. Chef reconhecido já com duas estrelas Michelin, brilha numa cozinha de autor em defesa da identidade da gastronomia portuguesa. Uma ida ao Belcanto – com meses de listas de espera – é uma autêntica festa para o nosso palato.
Urgente não perder!
Largo de São Carlos, 10 – Lisboa
213 420 607

11. DOM PESCADOR

Este Pescador tem de facto um dom para a cozinha. Quando olhamos, ao longo dos dias, para a variada carta, prende-nos a nossa atenção para um facto indesmentível. O menu é muito variado e há o cuidado de presentear a clientela com um sem número de paladares. Entre muitos, destaca-se o Cavaco no forno com arroz basmati, os salmonetes fritos com arroz de berbigão, o pregado frito com arroz de conquilhas, a maionese de lagosta e outras delícias. É um restaurante amplo, com óptimo serviço e uma lista de vinhos variada.
Rua Dr. Bernardo Teixeira Botelho, 7 – Palmela
212 104 641

12. SALITRE

restaurante já foi café e mercearia e a sua localização em frente à praia desperta-nos logo o apetite para os peixes, pois claro. A sua mestria está na comida de tacho onde vamos encontrar, por exemplo, um ensopado rico de peixe ou um ensopado de robalo e raia. Igualmente apetitosos o arroz de sardinha (na época dela) e os peixes grelhados à Bulhão Pato. A garrafeira é óptima.
Av. dos Banhos, 10 – Vila Chã
229 282 918

13. 100 MANEIRAS

O chef Ljubomir Stanisic é quem comanda este ‘novo’ 100 Maneiras com portas abertas no Bairro Alto. As propostas constam de três menus de degustação, um dos quais vegetariano. O mais pequeno, o Conto tem 11 momentos e o História 17 que se vão cumprindo ao longo da Capa, dos Prefácios, da Introdução, do 1º Capítulo, do 2º Capítulo, do Posfácio e, por fim, da Conclusão. A criatividade da cozinha é ímpar e os sabores chegam-nos magnânimos. O restaurante só serve jantares e apenas mediante marcação prévia. Um outro mundo que chega às nossas bocas.
Rua do Teixeira, 39 – Lisboa
910 918 181

14. A CASA DO BACALHAU

Estamos aqui em presença de um restaurante temático que é um autêntico elogio ao bacalhau. A lista apresenta 25 maneiras diferentes de o degustar e é garantido que os nossos palatos vão aprovar todas estas fases culinárias. O espaço é amplo e dele se diz que eram as antigas cavalariças do Palácio do Duque de Lafões, construído após o terramoto de 1755. Para acompanhar o fiel amigo nada melhor do que uma grande carta de vinhos.
Rua do Grilo, 54 – Lisboa
218 620 000

15. ALMA

O chef Henrique Sá Pessoa está à frente do seu Alma com duas estrelas Michelin e é neste espaço que ele oferece os seus menus de degustação. É a altura para provarmos o bacalhau e o leitão confitado ou experimentarmos outros caminhos da sua criatividade nos pratos de peixe e marisco, como o arroz de carabineiro. Mas podemos optar também pelos pedidos à carta e aí podemos deliciar-nos com a Calçada de Bacalhau, por exemplo. Enfim, um mundo de experiências gastronómicas que põe à prova os paladares mais exigentes.
Rua Anchieta, 15 – Lisboa
213 470 650

16. CASA DE CHÁ DA BOA NOVA

O espaço cativa-nos desde logo pela sua ligação ao mar. E é esta ligação que também marca a cozinha do chef Rui Paula que já lhe rendeu uma estrala Michelin. O peixe é o rei destas andanças à beira-mar e são de guardar na memória, entre outros, a sua feijoada de sames de bacalhau, ou a Lula Chanel, passando pela espantosa raia com molho de vitela. Serviço onde abunda a simpatia e a eficácia, que dão ainda mais vida a refeições que nunca esqueceremos. A cereja em cima do bolo é a sua espantosa carta de vinhos.
Rua da Boa Nova – Leça da Palmeira
229 940 066

17. EUSKALDUNA STUDIO

Uns escassos 16 lugares colocam a clientela praticamente ‘colada’ à equipa que trabalha sobre o que iremos degustar. O chef Vasco Coelho Santos dirige esta experiência de fine-dining, naquele conceito que podemos nomear de ‘laboratório’. Um menu sazonal com dez momentos vai-nos trazendo os resultados da ‘pesquisa’ e quem fica grato é o nosso palato. Criação, sabores, inovação, eis os segredos deste Studio.
Rua de Santo Ildefonso, 404 – Porto
935 335 301

18. TIA ALICE

Esta casa fundada em 1988 tem dois clássicos: o Bacalhau Gratinado com camarão e a Vitela Assada em forno de lenha. Do forno de lenha sai-nos também o espectacular pão, nosso companheiro inseparável desde os petiscos até aos pratos principais. Alice Marto, a dona, continua a tratar muito bem quem por lá passa.
Av. Irmã Lúcia de Jesus, 152 – Fátima
249 531 737

Foto: António Marto

19. MARISCO NA PRAÇA

Excelente aproveitamento do mercado de Cascais, com decoração simples mas bem agradável, onde reina a excelente oferta de marisco. A frescura é o seu mais importante certificado, mas para quem queira tentar outras opções, então o marisco chega-nos ‘casado’ com o arroz ou com a açorda. De qualquer das formas, tudo muito bem confeccionado e ‘regado’ com grandes vinhos.
Mercado Municipal de Cascais, Rua Padre Moisés da Silva – Cascais
214 822 130

20. OXALÁ

Oxalá que esta casa nunca encerre e isto porque aqui comer é um verdadeiro passe de mágica. Depois de franqueada a porta, não se assuste por ver algum empregado brandindo um sabre para abrir uma garrafa de espumante e lhe oferecer um copo. É assim que a simpatia logo se faz sentir. Depois, na mesa, continua a mestria. A cozinha tradicional portuguesa é quem comanda, e vale bem a pena a análise atenta da carta.
Rua Família Colares Pinto – Ovar
256 591 371

21. SENTIDO DO MAR

Este é um simpático restaurante de praia que elege como sua especialidade o sushi. As ofertas são muitas, mas quem queira outro tipo de cozinha pode sempre recorrer aos peixes na grelha. Mas se nada disto o motiva, fique então pela escolha de entre os muitos petiscos e prepare-se para admirar um espectacular pôr-do-sol.
Muralha da Praia do Norte, Apoio 7 – Costa da Caparica
212 900 473

22. MERCEARIA DO GADANHA

Em ambiente bem simpático, este restaurante trata muito bem a cozinha alentejana. Tudo parece ali ser feito à medida e com bom gosto, começando pela decoração. Da comida, diz a proprietária, chega-nos sempre um prato alentejano, mas com mais um não sei quê de criatividade. Basta pensar, por exemplo, nos extraordinários (e inesquecíveis) mil-folhas de bacalhau e presunto.
Largo Dragões de Olivença, 84 – Estremoz
268 333 262

23. TERROSO

A oferta é múltipla e bem simpática. Estamos a falar da opção de um bar com vinho a copo, até ao restaurante de cozinha tradicional portuguesa. Por aqui podem-se degustar muitos petiscos e aconselha-se vivamente um óptimo Cozido à Portuguesa, que costuma ser servido à 5ª feira mas que se aconselha a telefonar com antecedência para não falhar o dia.
Rua do Poço Novo, 17 – Cascais
214 862 137

Foto: Alfredo Matos

24. OCEAN

O chef Hans Neuner continua a exibir o brilho das suas duas estrelas Michelin neste brilhante espaço onde brilha o fine dining. As suas criações juntam, por exemplo, a açorda e o carabineiro e apresentam-nos salmonetes de Sagres e atum dos Açores. Nas carnes brilha, por exemplo, o notável borrego dos Pirinéus com favas. O elegante ambiente e a cozinha de excepção fazem deste Ocean um mar de agradáveis surpresas para a boca e para os olhos.
Vila Vita Parc, Rua Anneliese Pohl – Alporchinhos (Lagoa)
282 310 200

25. CASA DAS TORTAS

As tortas de Azeitão atraem desde há muitos anos todos quantos por ali passam, mas entre as doçarias abre-se um restaurante que ajuda ao sucesso deste pequeno espaço. No verão, pode optar-se pelo ar livre e é aí que a casa brilha. Os peixes no carvão fazem as honras da casa. Oferta variada e com enorme qualidade.
Praça da República, 37 A – Vila Nogueira de Azeitão
969 146 996

26. DOC

Já falámos aqui de Rui Paula e da sua Casa de Chá da Boa Nova, mas se agora já não somos confrontados com a ‘esmagadora’ proximidade do mar, não ficamos a perder com as belezas da paisagem duriense. Colocado mesmo à beira-rio, podemos apreciar daqui muitas quintas e também encontrar alguns conhecidos produtores à mesa. O DOC oferece-nos cuidados menus de degustação, bem como serviço à carta. Por entre as inúmeras ofertas, não se pode perder o Cachaço de porco bísaro a baixa temperatura com texturas de maçã. A carta de vinhos é espectacular.
Cais da Folgosa, EN 222 – Folgosa do Douro
254 858 123

27. PORTO DE SANTA MARIA

Restaurante histórico que tem por cenário o imenso mar, continua fiel às suas ofertas de fresquíssimos peixe e marisco. Mas atenção. Não vá antes de telefonar. É que o espaço vai ser renovado e as obras estavam previstas para finais de 2019. De qualquer forma, deixamos aqui a garantia de grande qualidade.
Estrada do Guincho – Guincho
214 879 450

28. IL GALLO D’ORO

Distinguido com duas estrelas Michelin (em 2009 o Il Gallo d’Oro recebeu a primeira estrela atribuída na Madeira), o chef Benoit Sinthon destaca-se na apresentação dos seus menus de degustação, estes a servirem de veículo para um enorme trabalho de criatividade e onde prima uma cozinha sensorial, plena de aromas. De inspiração mediterrânica e ibérica, a cozinha de Benoit incide sobretudo no trabalho sobre o peixe e os mariscos, onde o Carabineiro Royale se assume como um prato digno dos deuses. A garrafeira do restaurante é de enorme qualidade.
The Cliff Bay, Estrada Monumental, 147 – Funchal (Madeira)
291 707 700

29. FEITORIA

O chef João Rodrigues ganhou também uma estrela Michelin e em boa hora desistiu de seguir carreira de biólogo marinho para trazer até às nossas mesas pratos com enorme criatividade. A sua cozinha mostra-se em menus de degustação onde o peixe é rei, mas pode-se encomendar também à carta. Os sabores ganham forma em cada prato, tudo harmonizado com uma óptima lista de vinhos.
Altis Belém Hotel & Spa, Doca do Bom Sucesso – Lisboa
210 400 200

30. BON BON

O Bon Bon recebeu em 2019 uma estrela Michelin através do seu chef Louis Anjos, que aposta na cozinha tradicional portuguesa. O seu receituário baseia-se sobretudo no Alentejo e no Algarve, mas a sua tendência é a procura do peixe e do marisco. Na sua bagagem transporta já um clássico, que é o Lavagante de assinatura, mas há também um outro destaque que vai para os salmonetes com presunto. Boa carta de vinhos.
Urbanização Cabeço de Pias – Carvoeiro
282 341 496

TOP 100

Os 100 melhores restaurantes com destaque para o Top 30.

Lisboa

100 Maneiras – #13
A Casa do Bacalhau – #14
Alma – #15
Aqui Há Peixe
Belcanto – #10
Coelho da Rocha
Feitoria – #29
Go Juu
K.O.B.
Laurentina
Luzboa
Marlene Vieira
Meatme
Mesa do Bairro
Okah Rooftop
Quorum
Ramiro
Raposo
Real Fabrica
Solar dos Presuntos – #4

A 1h de Lisboa

Adega do Saloio (Sintra)
Bar do peixe (Aldeia do Meco)
Brasa do Bairro (Alfragide)
Búzio (Praia das Maças)
Casa das Tortas (Vila Nogueira de Azeitão) – #25
Dom Pescador (Palmela) – #11
Lovit (Cascais)
Mar Inferno (Cascais)
Marisco na Praça (Cascais) – #19
Montemar (Estoril)
Nortada (Praia Grande)
O Abraço (Sintra)
O Miguel (Setúbal)
Pérola da Mourisca (Setúbal)
Porto de Santa Maria (Guincho) – #27
Restaurante Hotel Baia (Cascais)
Sab’Amar (Setúbal)
Sem Horas (Setúbal)
Sentido do Mar (Costa da Caparica) – #21
SR (Loures)
Taberna 490 STB (Setúbal)
Tasca do Joel – #3
Taverna dos Trovadores (Sintra)
Terroso (Cascais) – #23
Vela Branca (Setúbal)

Porto

Adega Escondida
DOP
Euskalduna Studio – #17
Flow
Marisqueira Porto
O Paparico – #5
O Rápido
Oficina
Pedro Lemos – #8
S. Nicolau
Sabores da Mesa, Espaço Maus Habitos
Taberna dos Mercadores – #9
Traça

A 1h do Porto

A Grade (Leça da Palmeira)
Bistro com Alma (Póvoa do Varzim)
Casa de Chá da Boa Nova (Leça da Palmeira) – #16
Casino Póvoa (Póvoa do Varzim)
D. Elvira (Braga)
Dóri (Aveiro)
Ferrugem (Vila Nova Famalicão)
O Gaveto (Matosinhos) – #1
O Rei dos Leitões (Mealhada) – #6
Oxalá (Ovar) – #20
Salitre (Vila Chã) – #12
S. Valentim (Matosinhos)
Salpoente (Aveiro)
Tasquinha da Linda (Viana do Castelo)
The Orangerie (Vila Nova de Gaia)
Vinun (Vila Nova de Gaia)

Açores

À Terra Azor (Ponta Delgada, S. Miguel)
Cella Bar (Madalena, Pico)
Tasca O Petisca (Madalena, Pico)

Alentejo

Alecrim (Estremoz)
Mercearia do Gadanha (Estremoz) – #22
Tombalobos (Portalegre)

Algarve

A Barraquinha (Monte Gordo)
Alvor Wine (Alvor)
Bon Bon (Carvoeiro) – #30
Casavostra (Almancil)
Luar da Foia (Monchique)
Mar a Montes (Tavira)
Mato à Vista (Paderne)
Noelia & Jerónimo (Cabanas)
Ocean (Lagoa) – #24
O Retiro (Boliqueime)
Veneza (Albufeira) – #2

Centro

Burro Velho (Batalha)
De’ Gustar (Torres Novas)
Kook Sushi Lounge (Santarém)
O Açude (Coimbra) – #7
Sabor da Pedra (Tomar)
Tia Alice (Fátima) – #18

Madeira

Il Gallo D’Oro (Funchal) – #28

Norte

DOC (Folgosa) – #26
Hotel Meira (Vila Praia de Âncora)
O Caneiro (Cabeceiras de Basto)

Os Produtores

Os produtores de vinho do Guia de Restaurantes Adegga 2019

Adegga WineMarket Lisboa 2019

30 Novembro, Armazém 16, Marvila

Ver Evento

Receber as novidades do Adegga